Mudamos o layout e isso pode gerar alguns bugs nas postagens, se perceber algum avise: contanto@informaticando–ajuda.com

Como eram a tecnologia e os bastidores do filme Avatar?

Por: João Manoel,

Sim. Quem gosta de filmes e tecnologia vai gostar deste artigo. Entenda tudo o que fez esse filme virar um sucesso.

Como eram os bastidores de Avatar?

 avatar-o-filme1

Entenda como o diretor James Cameron transformou um simples galpão em um estúdio High Tech para criar o mundo 3D de Pandora:

Canteiro de Obras

galpao

Toda a mágica aconteceu em um galpão de 200m² de área, onde, 70 anos antes, o empresário Howard Hughes fabricou alguns de seus aviões (se você assistiu a O Avatar, sabe do que estou falando). Este espaço abrigou a pré-produção, as filmagens e a pós-produção. De técnicos a atores, todo mundo trabalhou ali.

Cada um no seu quadrado

Para filmar as cenas, nada de fundo verde. Para se orientar, os atores usavam um quadrado cinza vazio, cheio de polígonos e marcações no chão e nas paredes, no centro do galpão. A marca no chão indicava, por exemplo, onde seriam inseridas as árvores da floresta na imagem final.

Pretinho básico

O figurino era um só: várias peças pretas iguais. Para facilitar a projeção dos efeitos especiais, os atores usavam collants de lycra com 80 spots metálicos grudados, que eram lidos pelos infravermelhos. Como os efeitos eram projetados sobre os atores, ninguém precisou passar horas pintando o corpo de azul, como aconteceu com a atriz que fez a Mística em X-Men.

Luz…

Os atores foram rastreados por um sistema de dezenas de raios infravermelhos. Instalados dos dois lados do galpão, eles faziam o mapeamento da posição e dos movimentos de cada um dos personagens. Esse posicionamento ajudava os técnicos de efeitos especiais a manter exatamente os mesmos movimentos na hora de gerar a imagem final.

Câmera…

pacefusion3dcam550x377copy_thumb

Criada por Cameron em parceria com o designer Vicent Pace, a supercâmera já filmava tudo em 3D. Como exatamente o artefato funciona é um mistério – sabe-se apenas que ela é resultado da fusão de duas Sony HDC-950HD, que formam um sistema de duas lentes polarizadas.

A máquina é revolucionária por que, até hoje, os outros diretores filmavam em 3D com duas câmeras, e não apenas com uma com duas lentes.

Ação!

Durante a gravação, Cameron acompanhava tudo em uma câmera virtual, que filmava as pessoas reais já com os efeitos sobrepostos. Ao mesmo tempo em que o Zoe Saldana atuava apenas com o collant, na tela do diretor já aparecia sua personagem, Neytiri, azulzinha da silva! Essas imagens em tempo real ainda eram de baixa resolução, mas serviam para Cameron checar, na hora, se a parafernália funcionava

Usando a cabeça

Em filmes como A lenda de Beowulf ou O Expresso Polar, os efeitos são sensacionais, a não ser nos closes do rosto dos personagens – eles pareciam bonecos sem expressão. Para resolver o problema, os atores também tinham pontos no rosto e usavam um capacete com uma câmera na frente, que filmava as expressões faciais. Com base nelas, os técnicos davam caras bem realistas aos Na’vi.

Obstáculos no caminho

O cenário cinza, batizado de “Volume”, tinha alguns truques: quando a cena exigia que os atores andassem num pântano, o chão  era forrado com plástico para dificultar os passos. Na hora de montar os animais do filme, eles ficavam sobre cavalos de verdade. Para as cenas que se passam nas naves, foi usada uma esfera que parecia uma gaiola.

Onde foram feitas as cenas externas?

avatar-sem-efeitos-especiais Comparação, avatar com e sem efeito

Acima a comparação, avatar sem e com efeitos.

Alguns poucos cenários foram feios fora do galpão – mas não são cenas externas, na verdade. Alguns trechos gravados em Wellington, na Nova Zelândia, foram feitos em um estúdio fechado, com cenários reais e um espaço maior do que o galpão. Foram rodadas ali as cenas da fortaleza militar e da Sala de Conexão, que tem aqueles sarcófago modernosos que transportam a consciência dos humanos  para seus Avatares.

Quantos computadores foram usados para fazer Avatar?

Sabe onde estavam os técnicos que acompanham todo o set de filmagens? Na produção de Avatar, a maioria estava sentada no galpão, ali do lado, em três fileiras onde ficavam 20 computadores. Era ali que os caras monitoravam a iluminação, captavam as filmagens e projetavam os efeitos especiais e os fundos sobre o quadrado cinza.

1449614_1

Modelo: Macintosh

Processador: Intel

Memória: 1.006 MHz

Hard Drive: 8 Terabytes           

Cameron usou algum truque para fazer o som e a edição?

caixa som ts128

  • O maior truque era levar a galera para Malibu, uma praia da Califórnia, Mas não era para se divertir não! Lá, mais máquinas ligadas em rede estavam à disposição quando Cameron se cansava do galpão. Mas foi no galpão que rolou a maior parte da pós-produção – nessa etapa, o diretor era capaz de “refilmar” a filmagem, dando um zoom, por exemplo, em algum detalhe. A sobreposição dos fundos em alta resolução, a seleção dos melhores takes de cada ator e a projeção do áudio aconteceram lá.
  • Muitas vezes, a mixagem de som precisava parar e ser remontada no dia seguinte. É que alguns efeitos sonoros, como os de naves e explosões, eram projetados em volume tão alto que ninguém mais conseguia ouvir direito. Cameron não inventou nada no quesito som, mas usou tudo o que existe de mais moderno.  

Fonte: Revista Mundo Estranho. Escola Diogo Ribeiro.    

Em breve saiba fazer seu próprio óculos 3D.

Gostou do post? Quer dar sugestões? Alguma dica? Então comente!