Mudamos o layout e isso pode gerar alguns bugs nas postagens, se perceber algum avise: contanto@informaticando–ajuda.com

Computação em nuvem é maior aposta da Microsoft na América Latina

Por: João Manoel,

 

A América Latina é, atualmente, um dos mercados mais dinâmicos do mundo na área tecnológica, segundo o vice-presidente da Microsoft para a região, César Cernuda, que também classificou a “computação em nuvem” como a área mais promissora da companhia na região.

 

A tal “nuvem” representa a tendência de os usuários comuns precisarem apenas da internet para armazenar seus dados, dispensando o uso de computadores cada vez mais potentes, carregados de programas.

 

O acesso virtual e o fato de que os usuários paguem de acordo com o uso são, na opinião de Cernuda, dois dos principais atrativos da “nuvem”.

 

“Ela simplifica a tecnologia para as empresas, e faz com que os custos sejam menores ao reduzir a infraestrutura”, explicou à Agência Efe o executivo, que participa da conferência mundial de parceiros da Microsoft, que termina nesta quarta-feira (14) em Washington, nos EUA, e atraiu cerca de 14 mil pessoas de todo o mundo.

 

Cernuda afirmou que um número crescente de clientes na América Latina está solicitando esses serviços virtuais, e insistiu que a “computação em nuvem” é “fundamental” para a estratégia da companhia na região.

 

“Na América Latina há muitas áreas com grande potencial de crescimento”, disse. “Esperamos que no ano que vem sejam vendidos 31 milhões de novos computadores na região, o que representa uma magnífica oportunidade para que nossos parceiros vendam nossas plataformas”, acrescentou.

 

O vice-presidente da Microsoft também se disse satisfeito pelo fato de o índice de pirataria ter diminuído nos últimos anos nos países latino-americanos.

Via: G1.